O que é regime de competência?

Por Equipe QuickBooks

1 min de leitura

Mais do que entender receitas e despesas, o regime de competência é um método de lançamentos contábeis que ajuda a organizar as finanças e a planejar o futuro financeiro dos negócios. Fique por dentro da importância desse regime e saiba como dividir os registros dos pagamentos e recebimentos da sua empresa!

Fique por dentro
Como parte do fluxo de caixa, o regime de competência acontece no dia e mês em que uma transação, seja receita ou despesa, é feita. Por exemplo: se o seu negócio fez uma conta em março e que só deve ser paga em novembro, o mês de competência dessa despesa é março. Então, seu registro contábil deve ser feito dentro do mesmo mês.

Leia também: dicas para melhorar o fluxo de caixa.

Para que serve
O regime de competência também é uma forma de registrar as transações financeiras das empresas em seus respectivos arquivos de contabilidade. A partir disso, é gerado um relatório financeiro onde são apresentados os custos que o empreendimento deverá ter para superar as receitas previstas.

Com esse relatório, você tem em um só lugar as transações passadas e futuras, com os pagamentos e recebimentos dos próximos meses. Ou seja, tem tudo o que precisa para as próximas tomadas de decisão do seu negócio.

Como fazer as divisões entre registros de receitas e despesas
Receitas: devem ser registradas quando as transações com terceiros forem realizadas. Já os reconhecimentos de registros acontecem na mesma data em que houve a firmação de contrato ou compromisso firme sobre a compra ou serviço.

Despesas: devem ser registradas quando o valor ativo deixa de existir, é transferido, diminuído ou extinto, ou quando surge um passivo sem correspondente ativo. As despesas aparecem no período de competência.

Para facilitar o registro dos lançamentos contábeis do seu empreendimento, conte com as vantagens e facilidades oferecidas pela ferramenta gratuita de fluxo de caixa online QuickBooks ZeroPaper.

As informações podem estar resumidas e, portanto, incompletas. Este documento / informação não constitui, e não deve ser considerado um substituto para aconselhamento jurídico ou financeiro. Cada situação financeira é diferente e as informações oferecidas são gerais. Entre em contato com seus consultores financeiros ou legais para obter informações específicas sobre sua situação.

Artigos Relacionados

MPE: pesquisa do Sebrae mostra que Simples Nacional dobra a sobrevivência dos negócios

Se você quer abrir uma empresa, mas tem receio de empreender por…

Leia Mais

Lucro Presumido ou Simples Nacional: descubra o melhor regime para seu negócio

Pagar imposto é o tipo de assunto que grande parte dos empreendedores…

Leia Mais

Elisão fiscal: saiba como pagar menos impostos sem sair da lei

Quando o empreendedor começa seu negócio, uma das principais preocupações é lidar…

Leia Mais