Buscar investidores é uma boa opção para minha empresa?

0
SHARES

image

Após ter uma boa ideia e planejá-la cuidadosamente, o empreendedor começa a investir tempo e recursos para abrir sua empresa e estabelecer o seu negócio no mercado.  No entanto, esse início é normalmente um pouco exigente, pois você ainda não tem tantos clientes para sustentar seu empreendimento, mas tem várias despesas para iniciá-lo.

O ideal é que você tenha dinheiro suficiente já economizado para investir em sua empresa, enquanto ela ainda não pode dar o lucro esperado. Porém, isso nem sempre é possível e você precisa pensar em outras formas de conseguir o valor necessário para alavancar sua empresa.

Uma dessas maneiras é a busca de investidores para o seu negócio. Os investidores são pessoas físicas ou jurídicas que aceitam investir financeiramente no seu projeto, visando um grande lucro a médio ou longo prazo.

No entanto, nem todas as startups podem contar com um investidor e, além disso, aquelas que possuem um investidor podem acabar tendo que direcionar seu negócio conforme a vontade dele.

Por isso, veja a seguir alguns aspectos a serem considerados seriamente antes de buscar investidores. Decida se esta é ou não uma boa opção para o seu empreendimento.

Qual o momento certo para minha empresa buscar um investidor?

Todo investidor assume um risco, afinal sua empresa pode não dar certo e ele terá perdido bastante dinheiro. Por esse motivo, os investidores são muito exigentes na hora de aceitar esse compromisso.

Para que você possa de fato atrair um investidor e convencê-lo a acreditar na sua empresa, você já precisa ter dados concretos de que seu negócio dará muito certo. Ou seja, é relativamente difícil que uma empresa iniciante, que ainda não tenha qualquer cliente ou projeção de sucesso, consiga um investidor.

Se este for seu caso, o melhor é que você se dedique a fazer um excelente plano de negócios, com dados concretos que demonstrem que sua empresa tem enormes chances de dar certo. Isso dá trabalho, é necessário fazer pesquisas de mercado, montar estatísticas e comparações com a concorrência.

Mas com um plano de negócios fiel à realidade e bem completo, você pode buscar investidores, pois eles poderão se convencer com os dados apresentados e decidir assumir esse risco junto com você. Lembre-se de que você deve buscar um investidor porque já tem um negócio e não o contrário.

Quais as vantagens e desvantagens de se ter um investidor?

A maior vantagem é clara: você ganha recursos para investir no seu negócio e pode fazer dele um sucesso, conforme o planejamento. Quando o investimento envolve participação, o investidor recebe uma parte da empresa em troca de capital e, assim, caso o negócio dê errado, o investidor participou deste risco e você não precisará devolver o capital recebido.

No entanto, como o investidor também corre risco de perder dinheiro com esse acordo, ele muitas vezes se coloca no direito de cobrar e direcionar o seu empreendimento.

O investidor precisa receber relatórios periódicos sobre os retornos da empresa para acompanhar se o negócio está crescendo ou não. Caso o retorno esteja abaixo do previsto, o investidor pode interferir na sua empresa inclusive solicitando cortes e contingenciamentos. Por outro lado, essa cobrança frequente do investidor também pode ser muito útil para você não perder o controle do seu empreendimento e garantir maior lucratividade.

Cada empresa precisa avaliar bem o seu contexto antes de buscar investidores. Contudo, podemos dizer que uma boa dica para os empreendedores é: comece com o mínimo de custos até ter dados que mostrem que sua empresa vai ter sucesso.

Se seu negócio apontar para um futuro promissor, então cogite a possibilidade de buscar investidores que tornarão seu microempreendimento em uma empresa de médio porte mais rapidamente.