Como criar uma campanha de marketing com influenciadores

por Equipe QuickBooks

4 minutos de leitura

Se tiverem opção de escolher, seus clientes em potencial serão mais propensos a seguir a recomendação de alguém em quem confiam do que dar ouvidos a uma mídia paga. Essa pessoa pode ser um amigo, familiar ou alguém com “autoridade” que eles seguem nas diversas redes de mídias sociais. Construir um relacionamento com esses influenciadores, também conhecidos como “líderes de pensamento” ou “influenciadores sociais”, pode ser a ação de marketing e de construção da marca mais inteligente que você pode fazer pela sua pequena empresa.

Confira a seguir dicas sobre como identificar esses importantes influenciadores e interagir com eles para construir uma relação que, em contrapartida, valoriza as comunidades de seguidores deles.

  1. Identifique influenciadores e “networkers de alto nível”

O ponto de partida lógico da sua campanha de marketing de influência é identificar indivíduos com uma pontuação Klout alta e um histórico de promoção frequente de produtos e serviços nos quais eles acreditam. Dentre esses indivíduos, podem estar clientes satisfeitos atuais, afirma Mike Merrill, antigo diretor de marketing da ReachLocal, que desencoraja fortemente buscar influenciadores entre celebridades. Em vez disso, ele aconselha a se concentrar no que o fundador da Technorati, David Sifry, chamada de o “meio mágico”: blogueiros com 20 a 1.000 links de entrada são mais acessíveis, mais fáceis de entrar em contato e entusiasmados pelos seus interesses.

Muitos mecanismos de pesquisas proeminentes avaliam a influência das mídias sociais. A estrategista em mídias sociais Kristina Cisneros sugere “reverter a engenharia” do processo. Os indivíduos com boa classificação nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa (SERPs, em inglês) podem ser exatamente quem você está procurando. Por exemplo, se você está buscando por influenciadores de mídia social no ramo dos restaurantes, digite “blogs de restaurante” no Google e concentre-se nos sites que aparecerem na primeira página. Escolha um blogueiro com um boa classificação, verifique sua pontuação Klout, os perfis sociais e veja se é alguém com quem você gostaria de ter uma maior interação.

Sites como BuzzSumo e Little Bird ajudam usuários a localizar influenciadores na maior parte das áreas temáticas e tipos de conteúdo que um influenciador opta por compartilhar. É uma forma muito mais eficiente de procurar influenciadores do que andar sem destino na Web na esperança de encontrar as pessoas certas.

Outros importantes influenciadores a serem explorados incluem o que o estrategista em mídias sociais Starr Hall chama de “networkers de alto nível”. Eles podem ser especialistas do setor, membros da mídia ou pessoas com poder de decisão dentro de uma área especializada. Não se intimide com a possibilidade de entrar em contato com networkers de alto nível com milhares (ou, até mesmo, milhões) de seguidores. Fazer conexões é uma das razões que os tornaram influenciadores em primeiro lugar.

  1. Inicie uma campanha de engajamento

Lembre-se de entrar em contato com influenciadores com um espírito de engajamento, não de exploração. Se tudo o que importa é você mesmo e como o seu negócio é maravilhoso, essa relação não irá a lugar algum.

Sua primeira ação pode ser simples, como convidar um influenciador para participar de sua rede social. Starr Hall incentiva a interação com influenciadores em chats do Twitter, participando ativamente da conversa e oferecendo ideias de valor. Isso ajuda a chamar a atenção deles, que podem acabar seguindo você.

Outras maneiras de interagir com essas pessoas de sucesso on-line:

  • Compartilhe o conteúdo que elas produzem e marque-as no seu artigo ou postagem de blog.
  • Peça que contribuam com uma postagem de convidado no seu blog de pequenas empresas.
  • Convide-as para participar de um webinar ou mesa redonda on-line.

Jornalistas de negócios são uma categoria mais difícil de atrair. Como observa Matt Heinz, fundador da Heinz Marketing, eles buscam uma boa história, algo que reforce o status deles como líderes de pensamento e pensadores modernos. Se você entrar em contato com algum, Heinz sugere embalar suas informações em uma história convincente, tratando de um problema com o qual seu público-alvo teve que lidar. Ou melhor ainda: apresente uma visão controversa sobre um tópico que você domina. Influenciadores gostam muito de histórias que despertam interesse e discussão entre seus seguidores.

  1. Reconheça a contribuição dos influenciadores para sua marca

De acordo com Britt Michaelian, fundador do podcast Mass Amplify, muitos blogueiros e “influenciadores emergentes” trabalham com empresas em troca de descontos, vales-presente, amostras de produtos, convites para eventos especiais etc. (Observação: essa abordagem não é apropriada com jornalistas de negócios. Mantenha o foco em oferecer a eles uma nova visão em um tópico do setor.)

Sempre agradeça aos influenciadores no seu próprio conteúdo e encoraje as pessoas da sua rede de contatos a segui-los. Uma campanha de marketing de influência eficaz exige tempo e esforço – os resultados não aparecem da noite para o dia. Mas a credibilidade que sua marca adquire com a associação a líderes e especialistas do setor é precisamente o elemento autêntico que muitos dos consumidores atuais, cansados e saturados da publicidade, estão procurando.

Gostou desse artigo? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdo sobre finanças para pequenas empresas. 

Curta nossa página no Facebook e fique por dentro dos assuntos de interesse dos empreendedores.


Artigos Relacionados