Guia completo do ISS

por Equipe QuickBooks

2 minutos de leitura

Você quer saber o que é ISS e todas as outras particularidades desse imposto com o qual todo o empreendedor já teve contato? Então, confira este artigo e aumente os seus conhecimentos sobre a gestão financeira da sua empresa.

O que é ISS?

É um tributo recolhido pelos municípios e incide sobre uma grande lista de serviços, que você pode conferir aqui. O nome dele, inclusive, é Imposto Sobre Serviços – ou, Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN).

Quem paga o ISS?

As empresas prestadoras de serviço e profissionais autônomos devem pagar o ISS.

Quanto custa?

As taxas variam de cidade para cidade e também entre os tipos de serviço. Normalmente, vai de 2% a 5%. Para saber exatamente quanto será cobrado de ISS, a dica é consultar a lei do município onde você vai prestar o serviço.

Leia também: Os principais impostos pagos por pequenas empresas

Como é feito esse pagamento?

O pagamento pode ser feito de formas diferentes, que vão de acordo com o tipo de empresa ou de serviço que você presta.

ISS para microempreendedor individual

Se você é microempreendedor individual, não precisa recolher a tributação separadamente, pois ela já está dentro da mensalidade do seu carnê de MEI.

ISS para micro e pequenas empresas

Se o seu caso é de micro ou pequena empresa optante pelo Simples Nacional, existem duas opções: você pode fazer o pagamento através de uma guia única, que reúne os impostos a serem pagos até o dia 20 do mês seguinte à emissão das suas notas, ou, pode fazer a retenção direto da nota. Isso vai depender da lei de cada cidade.

ISS para autônomos

Ainda há o caso dos profissionais autônomos que prestam serviços sem vínculos empregatícios. Se esse é o seu caso, a melhor alternativa é a emissão da nota fiscal na prefeitura e, nesse momento, já aproveite para quitar o valor.

Leia também: Lucro Presumido ou Simples Nacional: veja o melhor regime tributário

Como fazer a retenção na nota fiscal?

Assim como para os outros impostos, é preciso fazer o cálculo do ISS sobre o serviço e ele vai ser retido na nota fiscal. Dessa forma, o tributo é descontado do valor do trabalho. Lembrando que essa opção – de reter na nota – não é obrigatória a todos os tipos de empresa, como comentamos no tópico anterior.

Como calcular o valor?

Basta tirar do seu serviço o valor da porcentagem do ISS.

Veja um exemplo: vamos supor que o seu serviço é de 5 mil reais e que a cobrança de ISS para esse determinado serviço na cidade é de 5%. Então, nesse caso, o imposto que você paga é de 5% de 5 mil. Ou seja, 250 reais.

Em que casos acontece a isenção de ISS?

Existem algumas e elas variam em cada cidade. Por isso, vale a pena você consultar a lei municipal para entender se o seu tipo de serviço pode ser isento ou ter a alíquota (aquela porcentagem) reduzida.

Como controlar o quanto é pago de imposto?

É importante usar uma ferramenta de controle financeiro para manter em dia as contas a pagar – inclusive dos impostos. Uma ferramenta legal é a de fluxo de caixa online do QuickBooks ZeroPaper, que, além de gratuita, é supersegura, prática e deixa você no comando das suas despesas.

Artigos Relacionados

ISS: entenda o que é e para o que serve esse imposto

O sistema tributário brasileiro é complexo e o empresário que não conhece…

Leia Mais

4 motivos para ter atenção ao Fluxo de Caixa

Além de estar totalmente relacionado ao funcionamento diário da empresa, o fluxo…

Leia Mais

Contabilidade tributária ajuda a pagar menos impostos

Quer como cidadãos ou como empresários, certamente em mais de uma ocasião,…

Leia Mais