Como manter talentos em sua pequena empresa

por Equipe QuickBooks

2 minutos de leitura

Antigamente, a ideia de estabilidade e fazer carreira era mais importante que a oportunidade e o risco de trocar de emprego por uma oportunidade diferente, o que contribuía para que as empresas pudessem reter talentos. Isso, no entanto, não é o perfil da geração atual, que é, além de ambiciosa, muito bem preparada. Criados com a ideia de que foram feitos para serem os melhores e mais capazes, os representantes dessa geração não hesitam em trocar de emprego se uma oportunidade melhor aparece. Reter talentos dessa geração é mais desafiador.

Porém, isso não precisa ser necessariamente algo ruim. Profissionais mais motivados e mais ambiciosos constituem uma força de trabalho mais ativa e produtiva. Essa troca de mentalidade, no fim, pode ser benéfica para ambas as partes — colaborador e empresa — se souber ser aproveitada. Com os incentivos certos, um profissional permanece motivado e produtivo, e a empresa não perde o investimento em treiná-lo.

Assim, para que a sua empresa consiga tirar o máximo desse novo cenário, listamos algumas dicas de como reter talentos. Confira a seguir!

1 – Tenha um plano de carreira

Para a geração atual, é importante mirar em um objetivo e ter uma clara noção das suas possibilidades de crescimento dentro da empresa. Para reter talentos, então, é preciso mostrar onde eles podem chegar e, mais que isso, fazer com que seja desejável chegar lá.

LEIA TAMBÉM: Como cobrar de clientes inadimplentes

Esse plano de carreira precisa dar ao profissional a oportunidade de um dia integrar a empresa efetivamente, por exemplo. É preciso que ele seja claro nos passos e nas promoções, nas diferentes possibilidades de crescimento e nas escolhas possíveis, além de ser economicamente atrativo.

2 – Mantenha o desafio

Para reter talentos, é preciso que os colaboradores se sintam desafiados em eu trabalho, de uma maneira saudável. Devem sentir que estão fazendo um trabalho relevante, importante e significativo, e que que fazem parte e estão integrados ao resto da empresa. Trabalhos monótonos e maçantes não irão incentivar os trabalhadores a continuarem na companhia, então reavalie sempre seus processos e pense em como tornar a rotina mais estimulante.

3 – Encoraje o envolvimento dos colaboradores

Para garantir que os talentos da sua empresa estejam dispostos a continuar, faça com que eles se sintam parte das decisões, que sua voz seja levada em consideração e ouvida.

LEIA TAMBÉM: 5 dicas para lidar com reclamações de clientes

Encoraje que participem com opiniões nas reuniões, ouça os feedbacks e acate boas sugestões. Inclusive, podem-se criar grupos de trabalho gerenciados por aqueles que deram a ideia. O envolvimento faz com que os colaboradores sintam-se parte e, com isso, fiquem mais interessados em ficar.

4 – Crie um ambiente de trabalho interessante e saudável

O ambiente de trabalho é uma variável que os profissionais levam muito em conta quando estão em uma decisão de trocar ou não de emprego. Por isso, promova um ambiente sadio e leve, interessante e confortável. Isso pesará muito na decisão.

Para um profissional da nova geração, a ascensão profissional conta mais que a estabilidade e segurança em um emprego. Por isso, é preciso oferecer uma perspectiva de crescimento e constante desafio para reter talentos.

Artigos Relacionados