Controle de despesas: 5 dicas para reduzir os gastos da sua empresa

por Equipe QuickBooks

3 minutos de leitura

Além de oferecer um bom produto para o público certo, reduzir gastos é essencial para ter uma atividade lucrativa. Toda empresa pode fazer algo para aumentar sua eficiência! Economistas apontam que um ambiente controlado e organizado pode levar uma empresa a economizar até 20% dos seus gastos. Ou seja, fazer o controle de despesas vale cada segundo!

Confira 5 dicas valiosas de como fazer o controle de despesas da sua empresa e ganhar mais dinheiro com o seu negócio!

Identifique e reduza desperdícios

Os desperdícios de recursos podem acabar com a margem de lucro de qualquer negócio! Para que isso não aconteça, é preciso identificar quais recursos não estão sendo bem aplicados. Os desperdícios podem ser muitos, desde gastos excessivos de água e energia elétrica, ao desperdício de serviços como o transporte e movimentação desnecessária de produtos, até compras excessivas de itens de estoque, por isso, tenha um controle de estoque eficiente!

Leia também: Qual a diferença entre Receitas/Despesas e Entradas/Saídas?

Não corte gastos aleatoriamente!

Cuidado para não cortar gastos sem controle! Identifique primeiro quais são os cortes necessários e comece pelos itens e processos menos importantes na sua cadeia de produção. É preciso ter atenção para que o corte de gastos não afete a qualidade do serviço, nem as condições de trabalho dos seus funcionários. Não é nada proveitoso cortar gastos sacrificando a eficiência da empresa!

Negocie suas dívidas da melhor maneira

Os juros de dívidas pendentes e empréstimos representam um grande gasto que coloca grande parte da margem de lucro para fora dos estabelecimentos. Por isso, é essencial ter um bom controle de fluxo de caixa e planejamento financeiro para pagar fornecedores e bancos em dia.

Se não for possível renegociar suas dívidas direto com os fornecedores, uma boa dica para reduzir o volume dos gastos é buscar a menor taxa de juros.

Por exemplo: Se você está devendo no cheque especial, busque um crédito capital de giro ou microcrédito que representem perdas menores! Quando se conhece a situação financeira da empresa, é mais fácil rever e buscar melhores financiamentos.

Selecione melhor as suas compras

Quanto menos estoque, melhor! Ter muitos itens em estoque significa dinheiro parado dentro da empresa, o que deve ser evitado. É necessário manter o controle de estoque atualizado e fazer um bom planejamento de compras. Identifique e separe os itens de inventário entre os de uso mais frequente e os mais raros de serem usados. Os itens de saída mais frequente ou com pouco estoque devem ter prioridade da compra. Mas tenha cuidado para não comprar demais!

Leia também: 7 dicas de gestão de estoque para pequenas empresas

Organize seu ambiente de trabalho

Além dos gastos de recursos como água e luz, o tempo é um dos recursos mais desperdiçados nas empresas. Toda vez que um funcionário interrompe seu trabalho para transportar algo desnecessário ou para procurar algo em um ambiente desorganizado, a empresa também perde dinheiro. Por isso, é preciso organizar!

Além da economia de tempo, organizar o seu ambiente de trabalho pode aumentar a produtividade e motivação dos funcionários, além de melhorar a imagem dos clientes sobre a sua empresa.

Mobilize sua equipe para atingir metas!

É impossível ter eficácia no seu plano de corte de gastos sem antes envolver sua equipe nessa tarefa! Não há nada melhor do que contar com um pessoal bem engajado para aumentar a eficiência dos seus serviços.

Crie metas de economia de energia e melhoria na qualidade da produção, mas não se esqueça de recompensar seus funcionários se elas forem atingidas.

Saber gerenciar seus recursos e cortar gastos é essencial para o sucesso de qualquer empresa. No entanto, sem conhecer o seu negócio a fundo e ter uma boa organização, essa tarefa se torna praticamente impossível!

Por isso, antes de começar a cortar gastos, é recomendável fazer um controle de fluxo de caixa eficiente para conhecer as particularidades da sua empresa.

Artigos Relacionados