Como estar pronto financeiramente para abrir um negócio

por Equipe QuickBooks

5 minutos de leitura

Você está pensando em abrir um negócio este ano? Se esse for o caso, é importante ter em mente que muitas empresas levam meses ou mesmo anos para se tornarem lucrativas. Por isso, empreendedores aspirantes precisam primeiro garantir que estão preparados. Os empresários devem não somente encontrar financiamento inicial, mas também precisam economizar capital suficiente para cobrir suas despesas pessoais enquanto não for possível receber um salário.

Aqui estão cinco etapas cruciais para se tornar financeiramente pronto para abrir um negócio.

  1. Calcule os custos iniciais

É importante calcular seus custos iniciais antes de deixar o emprego para abrir uma empresa. Embora a agência americana Small Business Administration calcule o custo médio de abertura de um negócio em US$ 30.000, o fato é que os valores iniciais variam drasticamente com base em diversos fatores, como a localização geográfica e o tipo do negócio.

Por exemplo, restaurantes e lojas de varejo exigem um investimento inicial maior do que as empresas que operam online. Juntamente com o aluguel, os empresários com locais físicos precisam estar preparados para comprar móveis, computadores e decoração, além de seguro contra incêndios e desastres naturais regionais (por exemplo, terremotos, enchentes, furacões etc.).

Apesar de os negócios online costumarem ser menos caros, os empreendedores de comércio eletrônico ainda são responsáveis por determinadas despesas. Além de taxas de constituição e licenciamento, as startups online devem buscar financiamento para o desenvolvimento do site e a publicidade online, além de manufatura e salários de funcionários, se aplicáveis. Determinar os custos iniciais é uma parte fundamental da avaliação de sua capacidade financeira para abrir um negócio próprio.

Leia também: É hora de sair do emprego e empreender?

  1. Determine as despesas pessoais

Além dos custos associados com a abertura e o funcionamento de uma empresa, os empreendedores aspirantes devem estar preparados para se manter financeiramente enquanto a empresa não se tornar rentável. O fato é que as despesas pessoais não deixam de existir simplesmente porque você abriu um negócio. Além disso, os proprietários de novas empresas devem estar preparados para todos os custos adicionais associados com prêmios desembolsados de plano de saúde. Como regra geral, os empreendedores devem economizar dinheiro suficiente para se manterem por seis meses de operação antes de sair dos seus empregos fixos.

  1. Melhore seu crédito

Não é segredo que uma empresa típica precisa de financiamento para sair do papel. Como seu histórico de crédito pessoal pode afetar sua capacidade de obter um empréstimo corporativo, é uma boa ideia revisar seu nível de crédito atual e melhorar sua pontuação. Se estiver confortável com a ideia de usar sua casa como garantia, avalie também sua garantia hipotecária para determinar se está qualificado para uma linha de crédito de garantia hipotecária.

Se estiver preocupado sobre sua pontuação de crédito impedir a obtenção de empréstimos, pode ser melhor esperar para deixar seu emprego fixo. Afinal de contas, os bancos costumam ser muito mais dispostos a conceder um empréstimo a alguém com um contracheque regular. Além disso, os empresários aspirantes podem considerar fontes de empréstimo alternativas, como empresas de capital de risco, investidores-anjo, empréstimos governamentais e até mesmo financiamento coletivo.

  1. Considere seus impostos

Se você está acostumado a trabalhar como um funcionário convencional, pode não estar preparado para a tributação inicial que vem com o trabalho por conta própria. Como os proprietários de pequenas empresas precisam pagar impostos de trabalho autônomo juntamente com os impostos de renda federais e estaduais, é importante que os empresários considerem suas obrigações fiscais e economizem da forma adequada.

Além disso, empresários aspirantes devem pesquisar possíveis abatimentos fiscais e monitorar as despesas cuidadosamente. A última coisa que você deseja é perder deduções válidas quando seu negócio ainda está tentando deslanchar.

Leia também: Guia completo de impostos para pequenas empresas

  1. Avalie suas perspectivas

Começar um novo negócio significa a oportunidade de ser seu próprio chefe e construir desde o início algo que é importante para você. Infelizmente, com o entusiasmo de abrir uma empresa, muitos empresários não avaliam o potencial de lucro com precisão. Da mesma forma que os custos iniciais variam de acordo com o tipo de negócio e o local, também é variável a renda média mensal que o proprietário de uma empresa pode esperar gerar.

Antes de abrir um negócio, é fundamental avaliar quanto dinheiro você pode esperar ganhar por meio de uma pesquisa de mercado do seu setor e base de clientes. Afinal de contas, você não quer investir mais na empresa do que a expectativa de receita razoável para os próximos meses e anos. Por outro lado, se você não reunir o capital apropriado, sua oferta pode ser insuficiente para atender à sua base de clientes. A última coisa que você quer é que seus clientes percam o interesse ou passem para os concorrentes porque você não consegue atender às suas demandas. É por esse motivo que muitos especialistas recomendam projetar as despesas operacionais com base no melhor cenário possível de crescimento.

É um mito de que é necessário ser rico para abrir a própria empresa. Aspirantes a empreendedores, no entanto, devem estar prontos para aceitar as realidades financeiras que acompanham a propriedade de uma pequena empresa. Pesquisando os custos e lucros e economizando uma poupança considerável antes de sair do seu emprego fixo, você pode dar ao seu novo empreendimento a melhor chance de sucesso.

Gostou desse artigo? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdo sobre finanças para pequenas empresas.

Curta também nossa página no Facebook e fique por dentro dos assuntos de interesse dos empreendedores.

 

Artigos Relacionados

Começar um negócio próprio ou abrir uma franquia?

Artigo escrito por Taisa Sganzerla Após tomar a decisão de abrir o…

Leia Mais

8 dicas para abrir uma empresa investindo pouco

Abrir uma empresa e ser dono do próprio negócio é um sonho…

Leia Mais

Conheça mitos e verdades sobre abrir o próprio negócio

Abrir o próprio negócio é o sonho de muitas pessoas. A ideia…

Leia Mais